É comum receber pacientes no consultório com queixas relativas a atividade sexual. Entre  as dificuldades que mais escuto estão:

  • Falta de desejo sexual;
  • Dificuldade ou incapacidade de chegar ao orgasmo;
  • Dor durante a relação sexual ou a penetração.

O primeiro passo é a paciente entender que não está sozinha e que suas queixas serão ouvidas e levadas a sério. O segundo passo é investigar a causa para buscarmos o tratamento adequado.

Quando a queixa é relativa a falta de desejo sexual ela pode estar ligada a questões hormonais ou até mesmo a rotina intensa da paciente. Já as queixas relativas ao orgasmo muitas vezes podem ser solucionadas com uma comunicação mais direta com o parceiro (a). Já as dores, podem ter relação com disfunções ou distúrbios hormonais e até o vaginismo.

Mas, todas essas hipóteses devem ser investigadas pelo ginecologista, para que juntos vocês possam traçar um plano de tratamento.

___

Drª Caroline Obrali – Ginecologista Curitiba

📌CRM/PR 25922 | RQE 1931

📱41. 3533-6349

📍R. Buenos Aires, 466 – Sala 84

Deixar seu comentário

Responsável Técnico:

Dra. Caroline Wall Obrali - Ginecologista
CRM/PR 25922 | RQE 1931

Todo conteúdo deste site tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação.
Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

No images found!
Try some other hashtag or username

Combustiva © 2021. Todos os Direitos Reservados.