Métodos de barreira

Camisinha

Atualmente, dispomos de dois tipos de preservativos: masculino e feminino.

O preservativo masculino é o método de barreira mais difundido e um dos mais seguros, uma vez que também atua na prevenção das DST’s. É usado no pênis e consiste em um envoltório de látex que recobre o membro durante a penetração.

Já o preservativo feminino, embora menos usado, substitui em igual qualidade a versão masculina. Ele é feito de um tubo de poliuretano que reveste a vagina durante o ato sexual e possui um anel em cada extremidade. De um lado, ele é fechado para impedir o contato do esperma com a vagina. Já do outro, é aberto e recobre a parte externa da vagina, por isso diminui o contato direto entre os órgãos sexuais do homem e da mulher. Também é bastante eficaz na prevenção de doenças.

Diafragma

O diafragma é um método contraceptivo bastante difundido. Trata-se de um pequeno anel flexível, coberto por uma fina camada de silicone ou borracha, com formato de cúpula. Porém, deve ser inserido na vagina algumas horas antes do ato sexual, com espermicída, para que impeça que os espermatozóides cheguem ao útero.

Dispositivo IntraUterino (DIU)

São, atualmente, um dos métodos mais seguros e eficazes para evitar uma gravidez. São três os tipos disponíveis atualmente: o de Cobre, o de Cobre/prata e o Hormonal. Ambos são dispositivos de plástico polietileno flexível.

O DIU de Cobre, como o próprio nome diz, é revestido por cobre. Já o hormonal, contém progesterona e também pode ser chamado de sistema intrauterino – SIU ou DIU Mirena (nome comercial) do SIU.

Já o de Cobre/Prata possui efeito similar ao de cobre com a união à prata. Porém, a prata faz com que o fluxo menstrual seja menor em comparação e diminui o risco de oxidação do dispositivo.

Ambos atuam comprometendo o acesso do espermatozóide ao óvulo e dificultando a implantação de um possível óvulo fecundado.

Eles podem permanecer no útero por até 5 anos no caso do DIU Mirena, 10 anos no caso do DIU de cobre convencional ou 5 anos nos mini-DIUs de cobre ou cobre/prata. São métodos contraceptivos de longa duração, mas reversíveis.

Responsável Técnico:

Dra. Caroline Wall Obrali - Ginecologista
CRM/PR 25922 | RQE 1931

Todo conteúdo deste site tem caráter meramente informativo e não deve ser utilizado para realizar autodiagnóstico, autotratamento ou automedicação.
Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

No images found!
Try some other hashtag or username

Combustiva © 2021. Todos os Direitos Reservados.